domingo, 30 de maio de 2010

Pré –Natal: Periodicidade do Acompanhamento



Nas gestações de baixo risco, as consultas devem ser realizadas mensalmente até o sétimo mês de gravidez. A partir daí, a consulta deve ser a cada duas semanas até completar uma idade gestacional de 36 semanas. Depois disso, as consultas são semanais. Nas gestações de alto risco, o intervalo das consultas é menor, dependendo da necessidade de cada caso. Em cada consulta são realizadas a entrevista e o exame físico, com palpação do abdome e determinação do tamanho do útero e a ausculta dos batimentos cardíacos fetais.

Ultrassom essencial durante a gravidez.

O ultrassom (também chamado de ultrassonografia ou ecografia) é um exame não-invasivo que usa ondas de som para criar uma imagem do bebê, da placenta, do útero e de outros órgãos. Com ele, o médico tem acesso a informações importantes sobre o progresso da gravidez e sobre a saúde do bebê. Durante o teste, o ultrassonografista lança ondas de som em alta frequência para dentro do útero, e essas ondas atingem o bebê. O computador traduz os sons de eco que são recebidos de volta em imagens de vídeo, que revelam então o formato do bebê, sua posição e seus movimentos. Para isso, ele passa um gel sobre a sua barriga e depois um aparelhinho sobre o gel. Existe também o ultrassom intravaginal, usado no comecinho da gravidez, até 11 semanas. As ondas de ultrassom também são usadas no aparelho que os obstetras utilizam para ouvir os batimentos cardíacos do bebê.

Exame: Primeiro ultra-som

Tempo de gravidez: 6 a 8 semanas

Para que serve: Permite que se veja o número de bebês, revelando se a mãe terá gêmeos, por exemplo. Possibilita ainda verificar se o feto está localizado corretamente dentro do útero e qual é o tempo exato de gravidez.

Exame: Translucência nucal

Tempo de gravidez: 10 a 14 semanas

Para que serve: Feito a partir de imagens de ultra-som, detecta riscos de má-formação por causa de alterações cromossômicas. Pode-se identificar possíveis problemas a partir da observação minuciosa da região da nuca do feto

Exame: Doppler do ducto venoso

Tempo de gravidez: 10 a 14 semanas

Para que serve: Também verifica, com mais precisão, riscos de má-formação. O doppler é um ultra-som sofisticado, que analisa o ducto venoso, um vaso sanguíneo do feto. Alterações cardíacas ali podem sinalizar problemas congênitos

Exame: Segundo ultra-som

Tempo de gravidez: 20 a 24 semanas

Para que serve: É possível avaliar a formação dos órgãos e dos membros do bebê, acompanhando seu crescimento. Os pais que quiserem também já podem conhecer o sexo da criança neste ultra-som.

Exame: Terceiro ultra-som

Tempo de gravidez: 34 a 36 semanas

Para que serve: Confere se a posição da criança permanece em ordem. Também verifica o peso do bebê e a evolução do seu desenvolvimento, além de se avaliarem as condições da placenta e do líquido amniótico (que envolve o feto)

Exame: Cardiotocografia anteparto

Tempo de gravidez : a partir de 36 semanas

Para que serve: Também é um tipo de ultra-som. Um sensor, que funciona como um superestetoscópio, capta os batimentos cardíacos do bebê e as contrações do útero, conferindo se tudo está em ordem a poucas semanas do parto

http://boasaude.uol.com.br/lib/ShowDoc.cfm



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário